[Receitas Tradicionais] Cachecol Rápido, tricô sem segredos!

Uma das receitas que todos adoram é o “cachecol de puxar” que recebe outros nomes como cachecol mágico, cachecol que desmancha. Pode ser feito com qualquer fio. Quanto tempo demora? Uma tarde  ou alguns dias para quem tem muito pouco tempo mas  quer fazer algo lindo e super express para presentear.

Você tricota 45 a 50 cm e ganha uma echarpe de 1.5 metros. Um show!

Eu fiz vários como echarpe para o verão usando três fios: Neonê, Brisa e Fiocel. O da foto abaixo é Cristal com Fiocel. Como esses fios são bem maleáveis fica maravilhoso. Mas podemos usar qualquer fio ou uma composição de fios desde que sejam  fios com caimento flexível. Com os fios 100% algodão não terá o mesmo efeito. Use fios lisos porque no final a peça deverá ser esticada para que a peça ganhe comprimento, o que fica difícil com fios tipo buclê ou que tenham bolinhas ou nós.

Receita

Agulha 6 mm

Coloque 18 pontos na agulha.

Carreira 1: 1 tricô, laçada,1 tricô, laçada até o final (total 35 pontos)

Carreira 02: 1 tricô, *2 meias, 2 tricôs*, repita *  * até o final

Carreira 03: acompanhe o ponto. Logo: 2 meias, 2 tricôs… e no final 1 meia.

Carreira 04: 1 tricô, *2 meias, 2 tricôs*, repita *  * até o final

Repitas as carreiras 03 e 04 até aproximadamente 45 a 50 cm.

O segredo está no arremate:

Comece pelo lado que tem 1 tricô no início:

Tricote 1 tricô, jogue um ponto da agulha (deixe cair sem medo), 1 meia, jogue um ponto, 1 tric0…assim até chegar ao final da carreira quando o último ponto tem que ser tricotado. O que está fazendo? Jogando os pontos que no início do trabalho,na carreira 01, correspondem às laçadas. Por isso ele se estica sem desmanchar.

Depois faça a última carreira arrematando. Corte o fio e de um nó. Então comece a se divertir: vá puxando o  trabalho até que todos os pontos que foram derrubados cheguem ao início do trabalho.

Coloque franjas e está pronto!

Essa receita é tradicional, parte do domínio público. Aprendi, ensinei e está por aí pra todo mundo fazer e se divertir.

Bom tricô!!!


[Tradução] A beleza da simplicidade no tricô de Tanya Beliak

Esta receita é uma supresa, tão delicada e simples: o Cachecol/Gola  Simplicidade Eternidade. Criada pela tricoteira canadense Tanya Belyak , a receita está disponível gratuitamente em seu blog Crocheterie e no Ravelry.

Uma opção para quem quer treinar técnicas de acabamento é colocar os pontos com o método provisório e finalizar com um grafting. Atenção: o caimento da peça vem da leveza da alpaca. Um outro fio não terá o mesmo efeito visual.

Tanya, thanks. Your pattern it’s so beautiful.

Bom tricô!

Happy Knitting!

Simplicity Eternity Scarf/Cowl

Fio: Berroco Ultra Alpaca
Amostra: 8 pontos 10 carr =5 x 5 cm
Agulhas 4mm

Monte 30  pontos

Lado direito: tricote todos os pontos em meia.
Lado avesso: 15 meias, 15 tricôs

Repita essas duas carreiras até o fim no novelo ou até alcançar o comprimento desejado do cacheco/gola. A peça mostrada na foto  tem 105 cm (42′), o suficiente para dar duas voltas no pescolo, e não muito comprido para ser usado como um cachecol.
Arremate.

Costure as pontas com uma agulha de tapeçaria ou uma agulha de crochê.

Fotos do blog Crocheterie

cedidas pela autora da receita para ilustrar a tradução.

[Galeria dos Leitores] Conhecendo o tricô de Izair Oliveira

Hoje recebi um email de Izair Oliveira, uma leitora do blog que se transformou numa amiga. Conservamos bastante por telefone, trocamos receitas e dicas. Eu aqui em Marília, Izair em Bom Sucesso interior de Minas Gerais.

Foi uma grande surpresa quando abri o email e encontrei as fotos dos trabalhos que produziu com as receitas publicadas aqui no blog. E com os botões da 8season e fios produzidos por Sandra Rosendo da 100purewool.

Vejam que trabalhos lindos,

Izair, parabéns e grande abraço,

Gola de folhas  Leaves on the edge¨cowl de Rose Anne

http://tricosemcostura.com/2011/05/25/traducao-gola-com-folhas-leaving-on-the-edge-cowl-de-rose-anne/

Cachecol Baby Dragon design de Lankakomero

http://tricosemcostura.com/2010/11/25/cachecol-baby-dragon/

Conversível: o tricô e a criatividade de Suzanne Resaul (Tradução)

Esta tradução foi feita pensando nas tricoteiras que querem novidades para vender no outono-inverno 2011. O Conversível de Suzanne Resaul, no Ravelry loopysue, é peça simples para ser tricotada e que se transforma, podendo ser usada como colete tipo frente única, túnica,gola, cachecol, gorro e compor visuais alternativos.

A designer comenta na receita que as instruções são mais um registro do que ela produziu, do que exatemente uma receita.As instruções são claras e as sugestões de uso, super criativas.

O Conversível é tricotado em agulha circular, como os pontos de barra 3×3 (3 meia e 3 tricô) e malha de meia (meia no direito e tricô no avesso), com orientação para variações de tamanho.

Agradeço à canadense Suzanne Resaul pela generosidade, clique aqui ir para a página do Conversível no Ravelry.

Thank  you Suzanne,

Bom tricô!

 

 

 

Conversível de Suzane Resaul

Ravelry ID: loopysue

clique aqui para baixar a receita em PDF: Conversivel

 

 

RECEITA

Tamanho: 42,5 cm de largura x 80 cm de comprimento
Material: 250g de fio espessura worsted (fio indicado para agulhas 4,5 a 5.5 mm), agulha circular de 6.0mm & 8.0mm, ou de outro tamanho adequado a amostra.
Amostras: (aproximada)
Agulha 6.0mm, Barra 3×3 (3 meia, 3 tricô, repetidos até o final)
12 pontos x 19 carreiras = 10 cm
Agulha 8.0mm, ponto meia. (meia no direito, tricô no avesso)
10 pontos x 12 carreiras = 10 cm
Nota explicativa:
Em relação ao tamanho, a circunferência do tubo deve ser suficiente para ajustar-se aos quadris. Então a partir da amostra em ponto de barra calcule o número de pontos necessário para iniciar o trabalho. Você pode trabalhar o comprimento das partes da pela na medida de sua preferência, mas a parte central deve ter o comprimento suficiente para permitir as diferentes formas de vestir.
Como fazer:
Coloque 90 pontos na agulha 6 mm, tricote em círculo em ponto de barra 3×3 ( 3 meias, 3 tricôs) por 22,5 cm.
Divida os pontos metade para frente e a outra metade para as costas, 45 pontos cada.
Com a agulha 8.0mm tricote a frente em malha de meia (meia no direito, tricô o avesso) por 35 cm (medido a partir do fim da barra), sempre tirando o primeiro ponto sem fazer em cada carreira.
Repita o mesmo para as Costas.
Volte a trabalhar em circulo, com a agulha 6.0mm, tricote barra 3×3 por 22,5 cm (contado a partir do final da parte tricotada em meia frente/costas). Arremate.

Para outras formas de usar, veja o PDF.

© 2010 Suzanne Resaul.
Esta receita foi criada como receita gratuita para uso pessoal.
Item feitos a partir dessa receita podem ser vendidos. Por favor, não copie ou vendida.

Tradução: Trico Sem Costura

Tamanho: 42,5 cm de largura x 80 cm de comprimento
Material: 250g de fio espessura worsted (fio indicado para agulhas 4,5 a 5.5 mm), agulha circular de 6.0mm & 8.0mm, ou de outro tamanho adequado a amostra.
Amostras: (aproximada)
Agulha 6.0mm, Barra 3×3 (3 meia, 3 tricô, repetidos até o final)
12 pontos x 19 carreiras = 10 cm
Agulha 8.0mm, ponto meia. (meia no direito, tricô no avesso)
10 pontos x 12 carreiras = 10 cm
Nota explicativa:
Em relação ao tamanho, a circunferência do tubo deve ser suficiente para ajustar-se aos quadris. Então a partir da amostra em ponto de barra calcule o número de pontos necessário para iniciar o trabalho. Você pode trabalhar o comprimento das partes da pela na medida de sua preferência, mas a parte central deve ter o comprimento suficiente para permitir as diferentes formas de vestir.
Como fazer:
Coloque 90 pontos na agulha 6 mm, tricote em círculo em ponto de barra 3×3 ( 3 meias, 3 tricôs) por 22,5 cm.
Divida os pontos metade para frente e a outra metade para as costas, 45 pontos cada.
Com a agulha 8.0mm tricote a frente em malha de meia (meia no direito, tricô o avesso) por 35 cm (medido a partir do fim da barra), sempre tirando o primeiro ponto sem fazer em cada carreira.
Repita o mesmo para as Costas.
Volte a trabalhar em circulo, com a agulha 6.0mm, tricote barra 3×3 por 22,5 cm (contado a partir do final da parte tricotada em meia frente/costas). Arremate.

Meu cachecol Ouro de Miró

Ouro do Firmamento (1962) - Joan Miró

Essa é a versão tricô da minha pintura preferida, o quadro  Ouro do Firmamento do pintor espanhol Joan Miró (1893 – 1983). Adoro o amarelo de Miró, lindo, alegre e ensolarado!

Então, quando recebi os novelos não tive dúvida, comecei o meu cachecol Ouro de Miró.

Ellen seu trabalho, com os fios e o tingimento, está  maravilhoso.

Bom tricô!!!

Cachecol Ouro de Miró

English Version PDF: Ouro de Miró_english

2 novelos de Lã Merino Fiolã, agulhas de tricô 9mm.

Receita

Colocar 20 pontos na agullha 9mm e fazer três carreiras em ponto meia para formar cordões de tricô.

Seguir: 1ª. carr: 2 meias, 1 tricô, 1 meia, até os últimos 2 pontos, 2 meias.

2ª carr.: toda em ponto meia;

Repetir as carreiras 1 e 2 até obter tamanho desejado. Fazer três carreiras em meia e arrematar.

O cachecol ficará um pouco enrolado, se preferir que não enrole muito faça quatro ponto em tricô ao invés de dois, de cada lado. Para isso, na primeira carreira  do ponto fantasia : 4 meias, 1 tricô, 1 meia, até os últimos quatro pontos, 4 meias.

No cachecol foi usado pouco mais de 1,5 novelo. Para tricotar uma gola,um novelo será suficiente.

Opções de ponto para cachecol. As amostras foram feitas nas agulhas 9mm e 10mm, o ponto é o falso ponto inglês.

Número par de pontos

Carr. 1: 1 laçada em meia, 2 meia, passe a laçada sobre os dois pontos meias na agulha da direita, repita até o final.

Carr.2 tricô

Repetir as carreiras 1 e 2.

Número de pontos divisível por 3 + 1

Carr.1: meia

Carr.2:  três pontos juntos em tricô, sem retirar a agulha, faça uma laçada e novamente os três pontos junto em tricô, passe para a agulha direita, repita até um ponto antes do fim da carreira, 1 tricô.

Carr. 3:  meia

Carr. 4: 2 tricôs, três pontos juntos em tricô e sem retirar a agulhafaça uma  laçada e novamente os três pontos juntos em tricô,  passe para a agulha  direita, repita até dois últimos pontos,  2 tricôs.

Carr. 5: meia

Carr. 6: 1 tricô, três pontos juntos em tricô e sem retirar da agulha faça uma laçada e novamente os três pontos juntos em tricô até o final da carreira.

Cachecol Baby Dragon

Baby Dragon Scarf de Lankakomero

Mais uma receita disponível. O pequeno cachecol Baby Dragon de Lankakomero pode ser tricotado com qualquer fio, mas a sugestão é um fio mesclado. Quem quiser uma versão maior pode fazer a adaptação sugerida, o Mama Dragon Scarf.

Hoje Lankakomero colocou um nota em seu blog sobre nosso projeto de tradução de suas receitas. http://lankakomero.blogspot.com/2010/11/neulotaan-portugaliksi-lets-knit-in.html

Thanks Päivi

 

Link para download direto do Baby Dragon Scarf
http://www.ravelry.com/download/73471/free
Link para a página do Baby Dragon Scarf no Ravelry
http://www.ravelry.com/patterns/library/baby-dragon-scar

Clique aqui para baixar a receita diretamente do blog: babydragonscarf_portuguese