Sorteio Comemorativo 100 mil visitas

Em primeiro lugar agradeço a todos os assinantes do blog pelas visitas e participação na minha campanha comemorativa.

 Todos que fizeram o comentário no post e subscreveram o blog participarão do sorteio e receberão um número que será publicado no dia 26 de maio. Gostaria de esclarecer que a solicitação para que escrevam um comentário no post é para maior transparência e seriedade ao sorteio, para que todos os leitores vejam quem está participando. Assim peço a todos os que estão subscritos (assinantes do blog) e que ainda não postaram no comentário que o façam caso desejem participar do sorteio. No dia 26 pela manhã será publicado a lista de números para o sorteio.

Quanto aos brindes, infelizmente, apesar de muitos convites não tivemos a adesão dos armarinhos virtuais, nem mesmo do maior armarinho virtual do Brasil. Pena que as leitoras do blog (consumidoras virtuais que viabilizam esse tipo de comércio) não tenham sido agraciadas com essa pequena gentileza.  Afinal a proposta era que o patrocinador enviasse diretamente o prêmio para os ganhadores.

Será feito um sorteio para cada kit no dia 30/05. E se porventura surgir uma doação de última hora, faremos mais sorteios.Caso haja dúvidas, não hesitem em enviá-las.

Abraços,

Bom tricô!

Metamorfoses do Conversível: Versátil e Blusa de Tricô Multiuso?

Caros amigos e leitores do blog, todos sabem que temos feito um esforço, assim como outras colegas de outros blog, para publicar traduções de receitas  autorizadas pelas designers, com seu aval e conhecimento prévio . Minhas traduções das receitas de Lankakomero são enviadas para ela antes de serem publicadas no blog.

Dessa forma, acreditamos que as tricoteiras brasileiras terão cada vez mais acesso ao que há de mais criativo e interessante no mundo do tricô, superando a barreira da língua.

Contudo, lamentamos e propomos que as tricoteiras pensem sobre o respeito aos direitos dos autores. Muitas tricoteiras brasileiras tem criado peças interessantes. Participar da comunidade de conhecimentos e partilhar idéias e informações, socializando saberes e modos de fazer é algo fascinante. Mas o respeito e  o reconhecimento, banhados de admiração, é nosso bilhete de entrada nessa comunidade.

No caso da receita Conversível, sem dúvida uma peça fascinante, a cada dia uma notícia nada alvissareira. Os leitores do blog, que tiveram acesso à tradução e assistiram ao programa Arte Brasil já viram um exemplo.

 

A peça é mostrada sem citar a  autoria. Enviei email ao site solicitando a inclusão, como todos fazem, de um link para a página de Suzanne Resaul, a designer canadense criadora da receita. Acho que é o mínimo que podemos fazer em troca de sua gentileza em ceder a receita para a tradução. Mas ainda continua por aí, mostrada pelo Atelier Cupcake Hortelã como se fosse criação deles.  Lamentável.

Como está indicado na receita, só que pede é que não seja copiada ou vendida. E até o nome da receita tem sido alterado: Versátil, depois Blusa de Tricô Multiuso…O nome da receita é Convertible, Conversível.

Quando um bebê vai chegar, muitos querem dar sugestões e escolher o nome, até que a mamãe diz: quem quer dar nome tem que ter seu próprio filho.  Aqui, vale o mesmo.

Meninas, bom tricô!

Este é o pedido que enviei ao site no comentário:

Essa receita foi criada pela designer canadense Suzanne Resaul, de Edmonton. A desginer autorizou a tradução da receita no blog Tricô Sem Costura e depois autorizou Claudia María a ensinar (não vender) a receita no programa Arte Brasil.
Por favor, incluam a autoria da peça e o link para o site da designer. Creio que seja uma contrapartida mínima a gentileza e simpatia da designer em ceder gratuitamente a receita para as tricoteiras brasileiras.
http://www.ravelry.com/patterns/library/convertible-halter-tunic-cowl-scarf

Tricô rápido e método continental no estilo de Esperanza Rosas

O site Tejiendo Peru de Esperanza Rosas é uma fonte riquíssima de informações sobre tricô e crochê. Receitas, tutoriais, pontos, dicas para tricô circular, e uma infinidade de orientações.

O que me chamou a atenção no trabalho de Rosas, em particular, foi o modo como tricota. O método continental, com o fio na mão esquerda, eu já conhecia, muito mais rápido do que na direita, que exige três movimentos para cada ponto, introduzir a agulha,  passar o fio com mão e retirar o ponto. No tricô continental, fazemos apenas um movimento para realizar o ponto o que permite tecer com mais agilidade.

No vídeo abaixo, a professora Esperanza  Rosas usa o método continental de modo muito peculiar: as mão são posicionadas como para fazer o crochê e resulta, como podem ver, numa rapidez fascinante. Eu vou começar a fazer meus exercícios. Quem faz crochê com rapidez, com pouquíssimo tempo certamente será capaz de tricotar na mesma velocidade.

Um mesmo posicionamento de mão e fio para o tricô (dos agujas) e o crochê?  Vamos ver, vou tentar.

Visitem o site, realmente vale a pena.

Bom tricô!

Pontos, tranças e gráficos da Vogue Knitting

No site da Vogue Knitting, além de receitas grátis, há um dicionário de pontos, o Stitchionary, com receitas de pontos, tranças e gráficos de tricô colorido.

Esses recursos são úteis para quem quer colocar um detalhe, como cores e desenhos, para repaginar  receitas simples criando um visual novo, sem ficar preso à receitas.

No site, para quem ainda não visitou,  clique no Resources e poderá ver, além do Stitchionary, o Stitch Workshop, um passo a passo de algumas receitas. No Pattern Help, instruções básicas e avançadas de tricô e crochê.

Bom tricô!!!

Vogue Knitting

http://www.vogueknitting.com/

Tricô sem Costura comemora: 10.000 visitas e o Ano Novo!

Hoje registramos 10.000 visualizações do blog. Agradeço aos leitores!

Bom tricô e Feliz Ano Novo, com paz e alegrias para cada um de nós, para nosso país e para as tricoteiras de todo o mundo.

No link abaixo podemos ouvir a saudação de Feliz Ano Novo em 32 idiomas produzidas pela BBC. São os idiomas em que transmite sua programação  de rádio e na web: inglês, persa, uzbeko, swahili, ucraniano, birmano, ruso, bengalí, dari, árabe, português, mandarín, francês, cingales, pashtún, azeri, servio, hindi, indonésio, nepalí, kirundi, vietnamita, macedonio, somaií, tamil, kirguís, urdu, albanês, turco, cantonês, hausa e espanhol.

 

¡Feliz año en 32 idiomas!

 

 

Pontos e cálculos: os recursos do Knitting Fool

Encontrei um  site com recursos interessantes para as tricoteiras, o Knitting Fool.

Um  Índice de Pontos de Tricô, o Knitting Stitch Index, com 2127 receitas de pontos, sendo 18620 ilustradas e  ilustrações do sistema de percentagem para cálculo de sweater, como o Top Down Raglan. As receitas de pontos podem ser usadas gratuitamente, com assinatura mensal ou anual temos acesso a versão PDF para impressão.

Para auxiliar na compreensão das receitas há um glossário com as abreviações usadas no inglês, com tradução do inglês para outros idiomas como o espanhol, o italiano, o francês e o alemão entre outras.

Com o sistema de percentagem podemos calcular  o número de pontos para a produção de um peça a partir da medida do busto mais o ease (2,5 cm mais ou menos, folga que a peça  não fique colada ao corpo). Do número total de pontos 100% derivamos as porcentagens para iniciar o top down, mangas etc.

http://www.knittingfool.com/pages/thumbs.guest.cfm

Xales em miniatura

Fazendo minha pesquisa matinal vejam só essas miniaturas de xales que encontrei no blog Jersey Knitter roundabout Exit 151.

É uma receita free e o link no blog  leva para o download direto do arquivo pdf  no Ravelry. Os Shawl Ministry Pins são uma criação de Ina Isobe, que ensina tricotar o mini xale, fazer as agulhinhas  e montar os broches.

Vi essa indicação nos favoritos de Cláudia, nossa colega portuguesa do blog 3 gatos miau a viver o agora. Aliás, o blog de Cláudia é muito interessante, também sobre tricô e tem uma receita de biscoitos de baunilha que parecem deliciosos. Abraços Cláudia!