Metamorfoses do Conversível: Versátil e Blusa de Tricô Multiuso?

Caros amigos e leitores do blog, todos sabem que temos feito um esforço, assim como outras colegas de outros blog, para publicar traduções de receitas  autorizadas pelas designers, com seu aval e conhecimento prévio . Minhas traduções das receitas de Lankakomero são enviadas para ela antes de serem publicadas no blog.

Dessa forma, acreditamos que as tricoteiras brasileiras terão cada vez mais acesso ao que há de mais criativo e interessante no mundo do tricô, superando a barreira da língua.

Contudo, lamentamos e propomos que as tricoteiras pensem sobre o respeito aos direitos dos autores. Muitas tricoteiras brasileiras tem criado peças interessantes. Participar da comunidade de conhecimentos e partilhar idéias e informações, socializando saberes e modos de fazer é algo fascinante. Mas o respeito e  o reconhecimento, banhados de admiração, é nosso bilhete de entrada nessa comunidade.

No caso da receita Conversível, sem dúvida uma peça fascinante, a cada dia uma notícia nada alvissareira. Os leitores do blog, que tiveram acesso à tradução e assistiram ao programa Arte Brasil já viram um exemplo.

 

A peça é mostrada sem citar a  autoria. Enviei email ao site solicitando a inclusão, como todos fazem, de um link para a página de Suzanne Resaul, a designer canadense criadora da receita. Acho que é o mínimo que podemos fazer em troca de sua gentileza em ceder a receita para a tradução. Mas ainda continua por aí, mostrada pelo Atelier Cupcake Hortelã como se fosse criação deles.  Lamentável.

Como está indicado na receita, só que pede é que não seja copiada ou vendida. E até o nome da receita tem sido alterado: Versátil, depois Blusa de Tricô Multiuso…O nome da receita é Convertible, Conversível.

Quando um bebê vai chegar, muitos querem dar sugestões e escolher o nome, até que a mamãe diz: quem quer dar nome tem que ter seu próprio filho.  Aqui, vale o mesmo.

Meninas, bom tricô!

Este é o pedido que enviei ao site no comentário:

Essa receita foi criada pela designer canadense Suzanne Resaul, de Edmonton. A desginer autorizou a tradução da receita no blog Tricô Sem Costura e depois autorizou Claudia María a ensinar (não vender) a receita no programa Arte Brasil.
Por favor, incluam a autoria da peça e o link para o site da designer. Creio que seja uma contrapartida mínima a gentileza e simpatia da designer em ceder gratuitamente a receita para as tricoteiras brasileiras.
http://www.ravelry.com/patterns/library/convertible-halter-tunic-cowl-scarf

Anúncios

5 opiniões sobre “Metamorfoses do Conversível: Versátil e Blusa de Tricô Multiuso?

  1. É muito triste ver seu trabalho desrespeitado dessa maneira, seja uma receita, texto ou uma fotografia, usada sem prévia permissão ou sem atribuir os devidos créditos.

    Quando alguém cria uma receita e decide que sua distribuição será gratuita, em geral o faz para que seu trabalho seja divulgado. Quando alguém posta o trabalho alheio em sua página, está no mínimo roubando acessos e visitas que originalmente iriam para a página da autora.

    Digo no mínimo rouba acessoas porque a verdade é que esse assunto é tão sério que é crime previsto na legislação brasileira. Deve ser por esse motivo que em vez de atribuir os créditos, o pessoal da página citada preferiu excluir a postagem.

  2. Vc está certíssima e sempre correta em seus posts. Ainda bem que estamos prestando a atenção .
    Acho isso super importante sim!
    Infelizmente, a elegância e a educação pertencem a poucas pessoas.
    Mesmo quando a gente tem um blog, é preciso com certeza dar os créditos devidos ao criador da peça.
    Nós temos que nos unirmos sim contra esses aproveitadores.
    Obrigada. Ótimo Tricot amiga! Beijos! Sandrinha-Brasília (chicory88@gmail.com)

  3. Meninas, tiramos o post do ar porque pelo comentário da Edna entendemos que não poderíamos vender a blusa (não tivemos acesso a receita traduzida, onde estão essas observações)! Assim que tomamos ciência, tiramos tudo do ar (blog, loja, Facebook), pois não queríamos causar nenhuma confusão!

    Esclarecida a dúvida, voltamos o post original com os devidos créditos da receita. Só lembrando que em nenhum momento falamos que a receita era nossa, divulgamos a receita no post, nem demos a entender que o modelo era exclusivo do nosso ateliê! O público-alvo do nosso blog é quem compra tricô, não quem faz.

    Mas, realmente faltou atenção para checar a origem desse do modelo!

    Contamos com a compreensão de vocês!
    Atenciosamente,
    Cissa

    • Como disse no email, a designer, diferentemente de outros, permite que as peças sejam vendidas, apenas pede que a receita não seja vendida e que a autoria da criação seja respeitada. O que é muito simpático, pois várias designers proibem a venda de peças a partir de receitas free e outros sequer concordam com a tradução para o português.
      Reconhecida a criação, respeitados os direitos da designer,creio que está tudo ok.

  4. É maravilhoso, qdo podemos encontrar trabalhos diferentes, fashion. Gostaria de agradecer e dizer que adoraria receber outros presentes como este.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s